7 boas notícias sobre a luta contra o coronavírus

7 boas notícias sobre a luta contra o coronavírus

Infelizmente todos os dias temos que conviver com diversas notícias tristes sobre a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que assola o mundo. Mas no meio desse caos, existem notícias de esperança e são algumas delas que quero compartilhar com você hoje no blog.

Pessoas que receberam alta médica

Até o último domingo (10/05), 1.422.745 pessoas no mundo se recuperaram da Covid-19, sendo 64.957 no Brasil e 7.937 no Ceará, segundo dados das autoridades de Saúde.

2ª fase de testes da vacina contra a covid-19 é liberada pelos EUA

Revista Época – 8 de maio: “As autoridades sanitárias dos Estados Unidos autorizaram o início da segunda fase de testes da vacina mRNA-1273 contra o novo coronavírus. Produzida pela empresa Moderna, em parceria com o Instituto Nacional de Saúde (NIH), os experimentos agora serão conduzidos em cerca de 600 voluntários – incluindo pessoas com mais de 55 anos. Os testes foram autorizados pela Administração de Alimentos e Drogas (FDA) e devem ser iniciados imediatamente.”

Anticoagulante reduz em 70% a infecção de células pelo novo coronavírus

Revista Exame – 10 de maio: “Estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e por pesquisadores da Inglaterra e da Itália apontou um possível novo mecanismo de ação do medicamento heparina, um anticoagulante, no tratamento do coronavírus (covid-19).

Além de inibir distúrbios de coagulação que podem afetar vasos do pulmão e prejudicar a oxigenação, o medicamento parece também ser capaz de dificultar a entrada do novo coronavírus nas células. Os pesquisadores realizaram testes de laboratório em linhagem celular proveniente do rim do macaco-verde africano (Cercopithecus aethiops) e a heparina reduziu em 70% a invasão das células pelo novo coronavírus.”

Mutação no coronavírus pode significar um possível enfraquecimento

Um estudo publicado em 1º de maio no Journal of Virology “apontou uma mutação no novo coronavírus muito semelhante à que ocorreu com o vírus SARS em 2003, o que pode indicar o enfraquecimento do vírus.

O Dr. Efren Lim (autor principal do estudo e professor assistente do Instituto de Biodesign da Universidade do Estado do Arizona) e sua equipe utilizaram uma nova tecnologia chamada sequenciamento de próxima geração para ler rapidamente o código genético do SARS-CoV-2 (nome científico do novo coronavírus). Essa tecnologia ajuda a determinar como o vírus está se espalhando, além de suas modificações e adaptações com o passar do tempo.”

Cientistas identificam o anticorpo que bloqueia a covid

Revista Galileu – 4 de maio: “Pesquisadores da Universidade de Utrecht, do Erasmus Medical Center e do Harbor BioMed identificaram um anticorpo totalmente humano que impede o novo coronavírus Sars-CoV-2 de infectar células em culturas cultivadas. A descoberta foi publicada na Nature Communications e pode ajudar no desenvolvimento de tratamentos para a Covid-19.

Segundo os pesquisadores, o estudo focou em anticorpos conhecidos por combaterem o Sars-CoV, causador da Sars, que surgiu na China em 2002. Eles identificaram que um desses anticorpos também é capaz de neutralizar a infecção por Sars-CoV-2, causador da Covid-19, em culturas celulares.”

100 pacientes imunizados são voluntários em pesquisa sobre coronavírus

Revista Exame – 11 de maio: “Enquanto no exterior grupos arregimentam interessados, no Incor, em São Paulo, pesquisadores em conjunto com a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) já reúnem um grupo de cem voluntários que doaram sangue para um banco de material a ser estudado em busca de anticorpos resistentes ao vírus.”

Robô inspirado em cachorro combate coronavírus em Singapura

UOL – 08 de maio: “Em comunicado oficial divulgado hoje (8/5), o governo de Singapura anunciou que usará robôs caninos fabricados pela empresa Boston Dynamics para fiscalizar o isolamento social em vias públicas.

O robô de quatro patas foi implantado pela primeira vez em um parque central nesta sexta-feira, como parte de um teste de duas semanas que pode se juntar a outros robôs que policiam os parques de Singapura durante o confinamento em todo o país.”

(Fotos: Google Imagens/Reprodução).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s